CSP e APODEMO assinam parceria para “antecipar” os serviços do futuro

A Confederação de Serviços de Portugal (CSP) vai passar a elaborar estudos sobre os desafios da digitalização e a inovação nos serviços com o apoio da APODEMO – Associação Portuguesa de Empresas de Estudos de Mercado e de Opinião.

As duas entidades assinaram hoje uma parceria que define os critérios e âmbito desta colaboração que aprofunda e reforça a relação da APODEMO com a CSP.

A parceria está integrada no quadro de objetivos estratégicos da CSP enquanto pólo aglutinador de experiências empresariais e dinamizador de iniciativas para a inovação no setor terciário do nosso país. A Confederação pretende assim proporcionar aos seus Associados, em particular e, ao setor terciário em geral, uma antevisão dos impactos da digitalização na inovação e evolução das práticas de gestão das empresas de serviços, tendo em vista a melhoria contínua da sua competitividade.

Jorge Jordão, presidente da CSP, afirmou que “a CSP pretende assumir-se como Parceiro Social efetivo, por forma a defender e representar adequadamente os interesses e aspirações dos serviços modernos, e este acordo de colaboração é essencial para reforçar a valorização das suas perspetivas e contributos no contexto do desenvolvimento do nosso País.”

António Salvador, presidente da APODEMO, considera que nesta parceria e no âmbito dos objetivos principais da Associação, se pretende ”acompanhar os ritmos dos tempos modernos em matéria de Estudos de Mercado e de Opinião, nomeadamente, no crescente processo de digitalização e inovação da sociedade portuguesa e do seu tecido empresarial.

CSP-APODEMO.Parceria(Assinada).25.11.2016 -Associados

CSP-APODEMO.Parceria(Assinada).Comunicado

CSP e APODEMO assinam parceria para “antecipar” os serviços do futuro